Para que serve o capim limão

O capim limão é uma erva medicinal incrível, conhecida também como erva cidreira ou capim santo. Ela é nativa dos territórios tropicais da Ásia e da Índia, é muito utilizada no Brasil para fins medicinais.

Suas folhas são principalmente utilizadas como remédio natural na prevenção e cura de várias doenças.

capim limão

Ele pode ser usado como repelente de insetos, previne anemia, reforça o sistema imunológico, elimina as toxinas do organismo, mantem os níveis de colesterol, diminui a ansiedade, ajuda a manter os níveis de glicose, distúrbios estomacais, dor de cabeça, problemas respiratórios, auxilia no processo de emagrecimento e outros.

Propriedades

Suas propriedades são muitas: antisséptica, anti-inflamatória, antifúngica, antibacteriana, antioxidante e antimicrobiana. Estas propriedades associadas a minerais, vitaminas e óleos essenciais ajudam a manter a saúde reforçando o sistema imunológico prevenindo combatendo doenças.

Para as mulheres fazer uso do capim limão, juntamente com outra planta ou produto natural que ajude aliviar sintomas da menopausa como o Max Amora, faz com que sua qualidade de vida melhore muito, por praticamente nunca passar por dores, incomodos ou qualquer tipo de mal estar.

Benefícios

  • Controle da pressão arterial

Seus benefícios para o controle da pressão arterial foram comprovados através de estudos e experiências. Os participantes que receberam o tratamento com o chá do capim limão apresentaram estabilidade considerável.

O estudo mostrou também que o chá tem a capacidade de elevar a pressão baixa e diminuir a alta conseguindo assim um controle das duas evitando os “picos” de pressão.

  • Combate a anemia

O capim limão é rico em vitamina C, ferro e folato (ácido fólico), que ajudam tanto a prevenir como combater a anemia. O uso da erva mantém o nível de hemoglobina elevado.

  • Controla o colesterol

O capim limão auxilia a manter o nível de colesterol saudável e reduzir o colesterol ruim (LDL). Previne o acumulo de lipídios na corrente sanguínea proporcionando o sangue a fluir com mais facilidade prevenindo doenças cardíacas como a arteriosclerose.

  • Reforça o sistema nervoso

Para auxiliar no sistema nervoso o capim limão seu chá pode ser usado tanto em banhos de imersão como para ingerir. Alivia fadiga, ansiedade, stress, acalma os nervos, vertigens, estimula a mente, auxilia a diminuir convulsões e vertigens mantendo o sistema nervoso saudável podendo prevenir doenças como Parkinson e Alzheimer.

  • Aparelho digestivo

O capim limão melhora a digestão e estimula as funções intestinais. Sua propriedade anti-inflamatória alivia dores estomacais, náuseas, diarreia e constipação.

  • Ajuda a emagrecer

Além de prevenir o depósito de gordura no abdômen ainda leva o corpo a usar energias acumuladas nas células. Através deste processo potencializa a oxidação dos ácidos graxos.

Gestantes, lactantes e crianças só devem fazer uso do capim limão sob orientação médica.

Jejum intermitente para emagrecer

Todo mundo sabe que o que não faltam são métodos, técnicas e receitas para secar em 30 dias e ter um corpo perfeito. No entanto, a parte mais difícil disso é colocar tudo em prática. Justamente por isso que o jejum intermitente vem ganhando espaço.

O fato é que o jejum intermitente não é algo recente não, visto que jejuar é uma prática bíblica. No entanto, para fins de emagrecimento o jejum já é usado desde 2013, embora tenha se tornado mais popular nos últimos anos.

Para quem não sabe, o jejum intermitente nada mais é do que um método no qual a pessoa se alimenta normalmente durante um período do dia, chamado de janela alimentar, e guarda jejum no restante das horas.

Dentro dessa regra, existem vários protocolos de jejum que podem ser normalmente seguidos de acordo com as horas de alimentação e jejum que são estabelecidas.

O melhor de tudo é que o jejum intermitente pode se adaptar à sua rotina, bastando escolher o melhor protocolo para suas necessidades.

Protocolos do jejum intermitente

Como já foi dito, o jejum intermitente possui uma série de protocolos que podem ser escolhidos de acordo com a sua necessidade. O mais importante de tudo é manter a regularidade do mesmo depois de escolhido.

Vamos conhecer os protocolos que existe:

  • Protocolo 16/8 (leangains)

Nesse tipo você pode se alimentar por um período de 8h do dia e deve manter o jejum nas outras 16 horas.

Para mulheres, esse período pode ser adaptado para 10 horas de janela alimentar e 14 horas de jejum.

Segundo o 16/8, você pularia o café da manhã, por exemplo, e abriria a janela alimentar as 12h ou 13h com um almoço. Depois, pode se alimentar livremente até as 20h ou 21h, quando inicia o jejum novamente até as 13h do dia seguinte

  • Protocolo come/para/come

Nesse protocolo de jejum intermitente, você pode se alimentar por 24 horas e depois estabelece um jejum que dura mais 24 horas.

Esse protocolo só deve ser utilizado uma ou duas vezes por semana, como forma de dar uma acelerada no processo de emagrecimento ou quando você comete excessos, esporadicamente.

Vale lembrar ainda que durante o período de jejum é permitido tomar água, chás e café preto, sempre sem açúcar.

Além disso, durante o período alimentar, deve-se apostar em alimentos altamente nutritivos e não industrializados ou processados.

Para saber mais sobre o jejum intermitente, assista o vídeo abaixo:

Faça exercícios e melhore a sua concentração

A concentração no trabalho também é conhecida como foco, mas podemos dizer que é uma habilidade importantíssima para nossa vida, já que ela também é necessária para vários momentos. Mas, infelizmente, muitas pessoas sentem dificuldade em se concentrar e se distraem rapidamente com qualquer coisa ou situação como, por exemplo, conversas paralelas.

O bom é que se você faz parte das pessoas que não conseguem se concentrar não precisa se desesperar, pois é possível desenvolver esta habilidade. Ótima notícia, não é mesmo? Com alguns exercícios básicos, você conseguirá ter foco em suas atividades diárias.

Tente ficar em ambientes que não te distraiam

Este primeiro item parece ser um pouco óbvio e você também pode pensar que dependendo da situação isso é impossível. Mas como exercício tente tirar um dia para praticar a concentração e fazer avaliações de como anda esta habilidade.

Neste momento, não fique perto de smartphones ou até mesmo desligue todas as notificações que podem vir dele, principalmente, das redes sociais.

Coloque em prática a meditação

Este exercício fundamental para uma pessoa que tem dificuldade em se concentrar, já que a sua mente ficará em estado natural – livre de distrações e pensamento que sempre te atrapalham. Tente fazer que os pensamentos que chegam em sua mente durante um estudo ou reunião, por exemplo, vão embora de uma forma que sua mente fique totalmente vazia. Fazendo este exercício regularmente, você verá que depois de um tempo não será difícil conseguir se concentrar.

Use mais sua memória durante o dia a dia

Em uma de suas tarefas diárias, tente praticar o processo de memorização. Pode ser lendo poemas, frases e citações. Desta forma, além de ampliar o seu vocabulário, você também ficará mais articulado. Para quem tem dificuldade em memorizar, o ideal é começar uma vez por semana até que chegue ao processo diário.

Aprenda um poderoso exercício de 3 Minutos para Memória e Concentração. Assista ao vídeo: 

Faça divisão das tarefas

Se por acaso você fica em pânico quando tem muita coisa para fazer, desenvolva o hábito de dividir as tarefas. Fazendo esta quebra será mais fácil de você conseguir a concentração, já que fará atividades menores – chegando mais rápido no final. É muito mais fácil conseguir se concentrar em tarefas de cinco minutos do que em algo que vai demorar muito, concorda?

Coloque as atividades no papel

Uma ótima maneira de ajudar a você lembrar as suas tarefas é anotar, ou seja, fazer uma lista. Se tiver muitas atividades, tente colocar prioridade. Desta forma, você conseguirá terminar tudo o que precisa ser feito.

Se o desafio é entregar um relatório, anote tudo primeiro em um papel para facilitar a elaboração do conteúdo. A estratégia de anotar faz com que você não perca o foco do que estava fazendo.